[Revista PnP] Problemas com uma impressora matricial Epson na rede 
Login: 
Senha:   
Fazer cadastro conosco

Home   Edições impressas  
Edições digitais   CDs e DVDs  
Dicas técnicas   Como comprar  
Quer colaborar?   Sugira uma matéria  
Boletins   Como é feita a Revista PnP?  
Fale conosco   Serviços ao cliente  
Erratas   Sobre a Revista PnP...  
Perguntas mais frequentes (FAQ)  
Cursos e eventos  
Google

Você está aqui: Indeterminado
Artigo

Problemas com uma impressora matricial Epson na rede

Questão colocada pelo leitor

Tenho dois computadores ligados em rede. Um tem Win98 e o outro Win95, ligados através de um cabo “cross-link”, sob TCP/IP. Antes, no terminal, eu usava uma impressora LX-300 (compartilhada) que estava no servidor. Só que quando eu instalei nesse terminal, na sua porta local LPT1, uma impressora Stylus Color 480, a LX-300 perdeu sua configuração de porta LPT1( eu uso um programa em Clipper, no terminal, que precisa de uma porta capturada no servidor para imprimir) e simplesmente nas configurações de porta de impressoras, ambas apontam para a porta da impressora local Stylus Color 480, a “LPT1: (EPSON Printer Port)”. Infelizmente não posso usar porta LPT2, pois o programa em clipper não aceita. Já tentei o suporte Epson inúmeras vezes, sem sucesso. Agradeceria qualquer ajuda.

Li na edição 04 da “Redes PCS” a respeito de uma biblioteca para Windows de programas Clipper. Como faço, por exemplo, para transformar o meu programa “Clipper 5.2e” para que ele fique com uma interface igual aos dos programas Windows? Existe uma maneira simples de se fazer isto?


Nossa respostaO software original da Epson 480 utiliza o “Sistema de Impressão Epson”, que simplesmente “se apossa” da porta LPT1.

Existe uma opção no software da Epson que desabilita este gerenciamento, é preciso ir em “Queue” (supondo que seu programa está em inglês), e desabilitar a opção “Spool to remote printer”. Na orelha “Remote Despool”, é preciso habilitar a opção “Print to remote printer”.

É possível imprimir com o Clipper na porta LPT2, mas não é este o seu caso. A migração do Clipper para aplicativos Windows é um assunto muito amplo, vamos fazer uma matéria sobre o assunto, mas vamos adiantar alguns caminhos:

1 - Utilizar o Clipper 5.3, que já tem as rotinas necessárias para rodar em uma “pseudo” janela Windows (não é uma opção muito boa)

2 - Utilizar o Clipper for Windows (www.clip4win.com), biblioteca que fornece a interface entre o Clipper e o Windows. Esta biblioteca funciona, mas o melhor mesmo é a opção seguinte:

3 - Utilizar o Fivewin (www.fivetech.com), onde você pode utilizar a mesma sintaxe do Clipper, porém gerando programas para Windows. Experimente a versão demo, é muito interessante, apesar de um pouco caro, US$ 220 mais frete e taxas de alfândega.



Publicado em 17/01/2006 às 00:00 hs, atualizado em 02/02/2006 às 00:00 hs


Enviar para amigo Assinar newsletter Entre em contato
Enviar para amigo Assinar newsletter Entre em contato

Nenhum comentário até o momento.

Seja o primeiro a comentar este artigo!

Login:
Senha:
  • Se você já se cadastrou no site, basta fornecer seu nome e senha.
  • Caso ainda não tenha se cadastrado basta clicar aqui.


 

SEJA VOCÊ TAMBÉM UM COLABORADOR!

Colabore com nosso site, contribua para o desenvolvimento da informática e, de quebra, aumente seu currículo e promova sua empresa!
É simples:
  • Se você é uma pessoa física e deseja colaborar com notícias, artigos e sugestões, veja a seção Quero colaborar
  • Caso tenha uma empresa do setor e quer divulgá-la junto aos nossos visitantes, veja a seção Anuncie
  • Caso sua empresa faça Assessoria de Imprensa para um ou mais clientes, você pode mandar os releases para nossos repórteres e teremos a maior satisfação divulgar as notícias neste espaço.
  • Se você é um órgão de imprensa, contate-nos em imprensa@luzes.org e conheça as várias maneiras para interagir com nosso site e nossos visitantes.

Tel (11) 3483-9868
Fax (11) 2368-4666
Email: leitor@revistapnp.com.br
  • Por favor entre em contato para qualquer dúvida, imprecisão do conteúdo ou informação indevidamente divulgada.
  • Os artigos e demais informações assinadas são de integral responsabilidade de seus autores.
  • O conteúdo deste site está protegido pelo Acordo Internacional da Creative Commons.
  • Os produtos e serviços de terceiros aqui divulgados são de inteira responsabilidade de seus anunciantes.
  • Nosso nome, logomarca e demais sinalizações estão protegidas na forma da lei.