[Revista PnP] Silicone para proteger a placa-mãe da oxidação 
Login: 
Senha:   
Fazer cadastro conosco

Home   Edições impressas  
Edições digitais   CDs e DVDs  
Dicas técnicas   Como comprar  
Quer colaborar?   Sugira uma matéria  
Boletins   Como é feita a Revista PnP?  
Fale conosco   Serviços ao cliente  
Erratas   Sobre a Revista PnP...  
Perguntas mais frequentes (FAQ)  
Cursos e eventos  
Google

Você está aqui: Indeterminado
Artigo

Silicone para proteger a placa-mãe da oxidação

Questão colocada pelo leitor

Moro em uma cidade de praia e tenho muitos problemas com a oxidação dos componentes devido à maresia. Por isso, gostaria de saber se pode passar spray de silicone na placa mãe para protegê-la tanto desta maresia como de qualquer outro agente corrosivo que possa estragá-la.


Nossa respostaÀ primeira vista o spray de silicone pode ser usado, pois o silicone teoricamente é um material neutro, mas existem restrições.

Em primeiro lugar é preciso saber se o spray é de silicone feito especialmente para circuitos eletrônicos ou se contêm aditivos que possam eventualmente reagir com as partes metálicas da placa-mãe.

Estes mesmos aditivos podem fazer com que circulem sinais entre os contatos dos componentes. O silicone também pode penetrar nos soquetes e impedir o contato com as placas de demais s componentes, por isso os soquetes deveriam ser protegidos durante a aplicação, caso o silicone seja realmente aplicado.

O problema disto tudo é que dificilmente se encontra silicone puro ou feito especificamente para a aplicação em circuitos de alta freqüência, como é o caso das placas de um micro. No mínimo, o silicone virá contaminado pelos gases e solventes utilizados para possibilitar sua aplicação.

Somando-se tudo isso, em nossa opinião, o melhor mesmo é comprar componentes de boa qualidade e não passar coisa alguma. As boas placas já trazem um verniz protetor (geralmente colorido), seus contatos são banhados numa liga nobre de metais (que contém até ouro) e os capacitores são blindados, ou seja, todos os pontos fracos e suscetíveis à corrosão estão cobertos. Comprando componentes melhores você gastará um pouco mais nas placas, mas se tem problemas de oxidação talvez seja a melhor solução, ao invés de passar produtos com o intuito de proteger mas que podem, no fundo, impedir o funcionamento correto do computador.


Publicado em 31/08/2009 às 00:00 hs


Enviar para amigo Assinar newsletter Entre em contato
Enviar para amigo Assinar newsletter Entre em contato

Nenhum comentário até o momento.

Seja o primeiro a comentar este artigo!

Login:
Senha:
  • Se você já se cadastrou no site, basta fornecer seu nome e senha.
  • Caso ainda não tenha se cadastrado basta clicar aqui.


 

SEJA VOCÊ TAMBÉM UM COLABORADOR!

Colabore com nosso site, contribua para o desenvolvimento da informática e, de quebra, aumente seu currículo e promova sua empresa!
É simples:
  • Se você é uma pessoa física e deseja colaborar com notícias, artigos e sugestões, veja a seção Quero colaborar
  • Caso tenha uma empresa do setor e quer divulgá-la junto aos nossos visitantes, veja a seção Anuncie
  • Caso sua empresa faça Assessoria de Imprensa para um ou mais clientes, você pode mandar os releases para nossos repórteres e teremos a maior satisfação divulgar as notícias neste espaço.
  • Se você é um órgão de imprensa, contate-nos em imprensa@luzes.org e conheça as várias maneiras para interagir com nosso site e nossos visitantes.

Tel (11) 3483-9868
Fax (11) 2368-4666
Email: leitor@revistapnp.com.br
  • Por favor entre em contato para qualquer dúvida, imprecisão do conteúdo ou informação indevidamente divulgada.
  • Os artigos e demais informações assinadas são de integral responsabilidade de seus autores.
  • O conteúdo deste site está protegido pelo Acordo Internacional da Creative Commons.
  • Os produtos e serviços de terceiros aqui divulgados são de inteira responsabilidade de seus anunciantes.
  • Nosso nome, logomarca e demais sinalizações estão protegidas na forma da lei.