[Revista PnP] Quais são as vantagens e desvantagens das redes Wi-Fi (wireless)? 
Login: 
Senha:   
Fazer cadastro conosco

Home   Edições impressas  
Edições digitais   CDs e DVDs  
Dicas técnicas   Como comprar  
Quer colaborar?   Sugira uma matéria  
Boletins   Como é feita a Revista PnP?  
Fale conosco   Serviços ao cliente  
Erratas   Sobre a Revista PnP...  
Perguntas mais frequentes (FAQ)  
Cursos e eventos  
Google

Você está aqui: Indeterminado
Artigo

Quais são as vantagens e desvantagens das redes Wi-Fi (wireless)?

Questão colocada pelo leitor

Sou leitor assíduo das revistas da Thecnica Sistemas e li o artigo “Redes Wireless” na Revista PnP nº 13. Lendo este artigo, fiquei interessado em colocar esta tecnologia aqui na empresa mas ainda tenho algumas dúvidas e venho pedir ajuda para saber:
1. Porque não usar Redes Wi-fi, caso realmente exista algo contra elas?
2. Qual as vantagens e desvatagens do Wi-Fi?
3. Comparações com tecnologias similares.
Desde já agradeço como sempre as ajudas muito valiosas que obtenho de vocês.


Nossa respostaAntes de mais nada, é preciso saber que estas redes são também chamadas de “sem fio” ou “wireless” porém, entretanto, quando falamos de rede wireless em geral estamos nos referindo a três categorias principais, que se diferenciam pelo seu alcance:
  • As redes pessoais sem fio (WPAN), de curto alcance e onde se destaca o Bluetooth,
  • As redes locais sem fio (WLAN), de médio alcance e também conhecidas como Wi-Fi, e as
  • Redes corporativas de longo alcance (WWAN) providas pelas operadoras de telecomunicações.
Uma das principais vantagens das redes Wi-Fi, além da alta taxa de transmissão, é que não exige licença oficial para funcionamento, podendo ser instalada rapidamente para complementar redes com cabeamento existentes, para eliminar totalmente os cabos em novos projetos, ou ainda para atender eventos temporários como feiras e apresentações. Por outro lado, a cobertura restrita e as dificuldades de operação em ambientes com muitos obstáculos estão entre suas principais limitações.

Na maioria dos casos, as empresas apostam na tecnologia Wi-Fi pela facilidade de instalação e mobilidade oferecidas. O Wi-Fi é usado para conectar as redes de dados em espaços abertos limitados, ou que ofereçam dificuldades na infra-estrutura para a instalação de uma rede utilizando cabeamento convencional. Uma empresa de armazenagem, por exemplo, pode usar uma rede sem fio Wi-Fi para interligar seus diversos armazéns e controlar a movimentação das mercadorias.

A mobilidade é outro grande atrativo do Wi-Fi, pois permite o aumento de produtividade dos funcionários em viagens e visitas aos clientes, com a redução dos tempos de deslocamento e melhoria da comunicação. Segurança, viabilidade e evolução despontam como preocupações imediatas em relação à adoção da tecnologia Wi-Fi.

A grande questão que se apresenta atualmente ainda é a vulnerabilidade do ambiente de rede. Muitos administradores consideram como fator de segurança a existência de uma “parede protetora” que funciona bem contra ataques “terrestres” mas é pouco eficiente contra ações “aéreas” de uma “esquadrilha” de hackers. Por esse motivo muitas empresas ainda analisam a viabilidade de investimentos na implantação de soluções sem fio e os próprios fabricantes reconhecem que esse temor com relação à segurança ainda gera um impacto negativo na adoção dos produtos Wi-Fi.

Os protocolos Wi-Fi atuais ainda são limitados geograficamente e por esse motivo são utilizados basicamente em ambientes fechados como escritórios, faculdades, fábricas e shoppings. Atualmente o protocolo mais usado é o 802.11b que opera numa velocidade de 11Mbps com alcance em torno de 100 m. Outro protocolo usado é o 802.11a, que permite conexões até 54Mbps mas possui um alcance cinco vezes menor do que o do padrão 802.11b. A evolução está nos novos protocolos como o 802.11g, que permite conexão a uma velocidade de 54Mbps (do protocolo 802.11a) e que consegue reproduzir o mesmo alcance do padrão 802.11b.

Para quem quer uma solução que ofereça o acesso a voz e dados da rua ou da estrada, o Wi-Fi ainda oferece dificuldades de conexão e, por esse motivo, tecnologias móveis como CDMA 1XRTT e GPRS ainda devem predominar em ambientes externos ou abertos.


Publicado em 24/08/2009 às 00:00 hs


Enviar para amigo Assinar newsletter Entre em contato
Enviar para amigo Assinar newsletter Entre em contato

Nenhum comentário até o momento.

Seja o primeiro a comentar este artigo!

Login:
Senha:
  • Se você já se cadastrou no site, basta fornecer seu nome e senha.
  • Caso ainda não tenha se cadastrado basta clicar aqui.


 

SEJA VOCÊ TAMBÉM UM COLABORADOR!

Colabore com nosso site, contribua para o desenvolvimento da informática e, de quebra, aumente seu currículo e promova sua empresa!
É simples:
  • Se você é uma pessoa física e deseja colaborar com notícias, artigos e sugestões, veja a seção Quero colaborar
  • Caso tenha uma empresa do setor e quer divulgá-la junto aos nossos visitantes, veja a seção Anuncie
  • Caso sua empresa faça Assessoria de Imprensa para um ou mais clientes, você pode mandar os releases para nossos repórteres e teremos a maior satisfação divulgar as notícias neste espaço.
  • Se você é um órgão de imprensa, contate-nos em imprensa@luzes.org e conheça as várias maneiras para interagir com nosso site e nossos visitantes.

Tel (11) 3483-9868
Fax (11) 2368-4666
Email: leitor@revistapnp.com.br
  • Por favor entre em contato para qualquer dúvida, imprecisão do conteúdo ou informação indevidamente divulgada.
  • Os artigos e demais informações assinadas são de integral responsabilidade de seus autores.
  • O conteúdo deste site está protegido pelo Acordo Internacional da Creative Commons.
  • Os produtos e serviços de terceiros aqui divulgados são de inteira responsabilidade de seus anunciantes.
  • Nosso nome, logomarca e demais sinalizações estão protegidas na forma da lei.